domingo, 31 de janeiro de 2016

RECADOS, SUGESTÕES E IDEIAS PARA O MINISTÉRIO DAS OBRAS PÚBLICAS

Queria falar-vos, um pouco, sobre Bissau, que era considerada a cidade mais limpa da África Ocidental e que hoje se transformou em lixeira céu aberto. 

Dizem que nós só falamos e não sugerimos nada. Assim sendo, cá vai a nossa proposta de desbloqueamento do trânsito na capital, com a construção de novas vias alternativas. É preciso alertar que não somos detentores da verdade absoluta e todas as sugestões são bem-vindas. 

Entendemos, pois, que é fácil verificar que, em primeiro lugar, não é preciso deslocar-se para Safim, passando obrigatoriamente por Bissalanca ou aeroporto Osvaldo Vieira. Ou, então, para se dirigir para Nhacra e Mansoa, ter que viajar até Safim. Desperdício de tempo e não compensa economicamente! Olhando para o mapa, pensamos que, a partir da antigo Quartel General, podia-se fazer uma autoestrada directa para Safim, em direcção a Norte do País e outra também direcção para Nhacra e Mansoa (região de Oio), partindo-se, a mesma, do antigo Quartel Geral. Seria, para nós, o excelente ponto de partida para o interior do país. Também seria a forma mais lógica de ultrapassar esta crónica dependência da capital de uma só autoestrada a ligar Safim, Bissalanca (aeroporto) e o centro da capital.  

DAPI PILON BUA, K FADI BALEI

Dr. Jorge Herbert
É desejável que soprem ventos fortes desde a Presidência da República, e que os guineenses letrados não deixem de ler “O Ensaio Sobre A Cegueira” de José Saramago, para não deixarem contaminar-se pela cegueira do populismo e da demagogia oligárquica, que pode comprometer o país com interesses externos e comprometer as futuras gerações…
 
Por: Dr. Jorge Herbert
Foto: Aqui 
 
A propósito do derrube do IX Governo Constitucional da Guiné-Bissau, indaguei um dia, se a Presidência da República esperava encontrar tanta resistência por parte do líder do PAIGC em sair da liderança do Governo, e a resposta que me foi dada foi: “ Dapi pilon bua, k fadi balei”. Contextualizando, o que me disseram é que, se a Presidência conseguiu remover o General António Indjai do cargo de CEMGFA (o Pilão neste caso), mais fácil seria remover o líder do PAIGC da chefia do governo (o Balaio).
 
Hoje, olhando para o ocorrido, desde o derrube do Governo até os dias de hoje, julgo que a Presidência avaliou mal o conteúdo do “Balaio”, não esperando que ainda pudesse resistir à ventania, muito à custa do populismo e da demagogia oligárquica, que este vem demonstrando.
QUÓRUM, VIOLADO!...

A palavra Quórum ("dos quais" ou "de quem") é latina, e em qualquer dicionário, significa o número requerido de assistentes a uma sessão de qualquer corpo deliberativo ou parlamentar para que seja possível tomar uma decisão válida. No caso da Assembleia Nacional Popular (parlamento), a palavra assistentes significa deputados da nação. Nada de "misturar alho com bugalho"!

ABRIU A CAÇA AOS JOVENS NEGROS NO BRASIL. POLÍCIAS PODEM MATAR IMPUNEMENTE!

No “País Tropical”, no Brasil, polícias e outros racistas caçam negros e matam-nos como querem sem terem de prestar contas à justiça. Para esses racistas assassinos a impunidade é certa.
 
O que vai ser abordado a seguir é a imagem horrível do Brasil, casos que no dia-a-dia são acontecimento comum: andarem a assassinar pessoas só pelo seu tom de pele. Também pelo seu tom de pele é fácil terem por prémio a impunidade.
 
Parece que existe um pacto entre os assassinos executores e os superiores hierárquicos, cúmplices consentâneos que reservam a impunidade para os os “caçadores” (entenda-se criminosos) que incide sobre a caça a jovens afrobrasileiros. Até parece que querem extinguir os negros no Brasil. Loucura, desumanidade, racismo puro e duro que nem sequer envergonha os governos e outras altas instâncias alcandoradas no setor da justiça.
 
Mais um caso, entre tantos, que trazemos aqui ao PG em repescagem da revista Black Brasil. O que pode ler a seguir é motivo bastante para qualquer brasileiro se envergonhar e exigir justiça, mas a maioria parece que nem está nessa, nessa atitude. Caso para terem vergonha se não estivessem desprovidos desse e de outros sentimentos comuns à humanidade.
 
 
PM Mata Estudante Negro Com Tiro Nas Costas E Diz Que Disparo Foi Causado Por Escorregão
 
“Não tenho dúvida. Ele veio para matar meu filho”, disse Ivani, a mãe de Allan, 17 anos, encontrada pela reportagem à porta de sua casa, chorando
Imagens da câmera de segurança instalada em uma casa do Jardim São João,periferia de Ferraz de Vasconcelos (Grande São Paulo), gravaram o momento da morte do estudante Allan Vasileski, de 17 anos, atingido com um tiro de pistola .40 disparado por um policial militar. O caso aconteceu na última sexta-feira (22/01).

Brasil. TRABALHADOR NEGRO GANHA APENAS 59% DE NÃO NEGRO, DIZ BGE


Afropress, com informações da Uol Economia, IN PG
 
S. Paulo – Trabalhadores negros (pretos e pardos) no Brasil ganham, em média, apenas 59,2% dos rendimentos dos trabalhadores não negros. É o que aponta a Pesquisa Mensal de Emprego (PME) divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
No caso das mulheres – alvos da discriminação de gênero – elas ganham, em média, 75,4% do rendimento dos homens.

sábado, 30 de janeiro de 2016

CHEIKH ANTA DIOP DERRUBOU O RACISMO CIENTIFICO, AO PROVAR QUE O EGITO ANTIGO ERA UMA CIVILIZAÇÃO NEGRA.

cad_inter
Cheikh Anta Diop (1923-1986) foi um polímata senegalês formado em Física, Filosofia, Química, Lingüística, Economia, Sociologia, História, Egiptologia, Antropologia, versado em diversas disciplinas como o racionalismo, a dialética, técnicas científicas modernas, arqueologia pré-histórica…Enfim, um homem que estudou as origens da raça humana, e a cultura africana pré-colonial. Ainda hoje ele é considerado como um dos maiores historiadores africanos do século XX. E foram estes conhecimentos que Diop utilizou para dar base à tese que iria defender mais tarde, que fala do Egito antigo, como uma civilização composta por pessoas negras.
 
Por Hebreu Negro, no 
 
Nascido no Senegal, Diop era proveniente de uma família aristocrática muçulmana Wolof (sendo educado em uma escola islâmica tradicional). Tais dados seriam úteis ao desenvolvimento de sua tese, e o jovem rapaz obteve o grau de bacharel, no Senegal, mudando-se depois para Paris, com intuito de realizar pós-graduação.

BRASIL: GAROTA DE PROGRAMA FOGE AO DESCOBRIR QUE CLIENTE É O SEU MARIDO

O caso, incomum e inusitado, aconteceu em Blumenau, interior de Santa Catarina. Uma mulher chamada Silvana Souza Sinara Silva, casada, querendo ganhar dinheiro rápido e fácil, decidiu se tornar garota de programa e publicou um anúncio no jornal com nome e celular diferente.
 
A primeira ligação que recebeu foi no horário em que seu marido estava trabalhando, o que ela considerou motivo de sorte, e então marcaram um encontro. O cliente marcou o encontro em um galpão abandonado e exigiu que a mulher entrasse no local seminua.
 
Para surpresa e pavor da mulher, quando ela tirou parte da roupa e entrou no galpão percebeu que o cliente era seu marido que, ao reconhecê-la, pegou um pedaço de ferro e foi pra cima dela.
 
Após correr muito e pular várias cercas, a mulher conseguiu escapar ilesa, mas admite que sempre foi “azarada”, uma vez ao tentar arrumar um amante através da internet, descobriu que o homem era seu pai. Definitivamente sorte não é seu ponto forte. Fonte: Aqui

ALMOÇO DE LOBBY – INDIGESTO E INTRAGÁVEL

Fonte: Doka Internacional

DSP CONVIDA DIPLOMATAS A INGERIREM-SE EM MATÉRIA DE POLITICA INTERNA

Uma fonte do “núcleo duro” terá informado que Domingos Simões Pereira, Carlos Correia, Mário da Rosa, vulgo Maruca ex-Ministro dos Negócios Estrangeiros – ou obscuros – sobre o qual pende um processo judicial por desvio de mais de 100 milhões, Carlos Pinto Pereira, João Monteiro ex-chefe de segurança do estado nos tempo de Nino Vieira entre outros da “entourage”, terão almoçado na companhia de alguns representantes de organizações internacionais sediadas no país e embaixadores credenciados pelo nosso estado entre os quais: O senhor Miguel Trovoada representante das Nações Unidas, o senhor Ovídeo Pequeno representante da União Africana, o Senhor Ansumane Cissé representante da CEDEAO bem como o chefe da missão da ECOMIG no país.
 
objectivo do encontro de lobby seria sensibilizar os convidados a emitirem uma declaração conjunta, compactuando com a tentativa de expulsão dos 15 deputados do PAIGC que não votaram favorável ao programa do governo.
 
Segundo a mesma fonte, o ambiente tornou-se “de cortar à faca” quando os diplomatas credenciados em Bissau se revelaram unânimes em:
·       Não se ingerirem em assuntos internos do país;
·       Não reconhecer competência de qualquer órgão judicial que não o Tribunal Constitucional, ou a plenária da ANP para expulsar deputados;
·       Se escusarem a emitir qualquer comunicado, porque na opinião dos mesmos, estão em Bissau para se colocarem AO LADO DO POVO E NUNCA PARA SE POSICIONAREM EM MATÉRIA DE POLÍTICA INTERNA;
 
Terá havido incluísse quem se manifestasse ciente da sua missão, repudiando veementemente o convite endereçado pelo Domingos Simões Pereira e Carlos Correia.
 
AO QUE ISTO CHEGOU!!!!
DOMINGOS SIMÕES PEREIRA ESTARA COM TODA CERTEZA PERTURBADO!!!

CONVIDAR DIPLOMATAS PARA SE IMISCUÍREM EM ASSUNTOS INTERNO, ALEM DE BAIXO E REPUGNANTE, É UM PRECEDENTE PERIGOSO PARA O NOSSO ESTADO E O NOSSO POVO QUE NÃO PARAM DE SER ENVERGONHADOS E ENXOVALHADOS PELO DOMINGOS SIMÕES PEREIRA E CARLOS CORREIA

ESTA É MAIS UMA SITUAÇÃO EMBARAÇOSA PARA A NOSSA DIPLOMACIA, LÁ TERÁ O SENHOR PRESIDENTE DA REPUBLICA QUE LIDAR COM MAIS ESTE ACTO TRESLOUCADO E DESCABIDO PARA QUE NÃO SE REDUNDE NUMA CRISE DIPLOMÁTICA AS ESPESSAS DO INCOMPETENTE GOVERNO DE CARLOS CORREIA E DOMINGOS SIMÕES PEREIRA

APROVEITAR CADA DATA COMEMORATIVA ELEVADA A UM SIMBOLISMO NACIONAL, PARA REDUZIR ESSE SIMBOLISMO A TÍTULO PARTIDÁRIO É UM ERRO GRAVE E MAIS GRAVE SE TORNA, QUANDO APROVEITADO PARA DESFERIR ATAQUES DIRECTOS CONTRA A FIGURA DO CHEFE DO ESTADO.

Por: Fernando Casimiro(Didinho), via facebook
 
Quem diz respeitar a Constituição e as Leis, perante uma crise e numa lógica de estar disponível para o diálogo para se ultrapassar a crise, deve privilegiar a moderação; deve abster-se de inflamar o ambiente de crise; deve evitar acusar continuamente a outra parte da crise de ser responsável pela crise mas também, de fazer outras acusações graves, como envolvimento no narcotráfico.
 
Nenhuma crise política ou institucional se define como tal apenas com um único protagonista.
 
Aproveitar cada data comemorativa elevada a um Simbolismo Nacional, para reduzir esse simbolismo a título partidário é um erro grave e mais grave se torna, quando aproveitado para desferir ataques directos contra a figura do Chefe do Estado.

DEBATE AFRICANO DE 29 JAN 2016 - RTP PLAY - RTP

Os comentadores foram unânimes em reconhecer que não é legal, e não tem cabimento jurídico a expulsão de deputados do PAIGC eleito pelo povo, por outros lado finalmente ficou patente a incoerência do MONSTRO Domingos Simões Pereira que tem um conceito muito peculiar da democracia, a moda do GANG DSP & BROTHERS, onde vale tudo para se perpetuar no poder e prosseguir com o saque.
Atenção também a curiosa situação do único comentador que continuou a defender a  bizzara tese da legalidade da expulsão ser o comentador pago por DSP como se sabe faz muito tempo.

Ouvir: DEBATE AFRICANO de 29 Jan 2016 - RTP Play - RTP

HOMENAGEM À MULHER GUINEENSE EM PORTUGAL

maxresdefault
A cantora Karyna Gomes, uma das mais destacadas vozes da Guiné-Bissau, apresenta-se, este Sábado, 30 de Janeiro, às 21h30 no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, para apresentar o seu disco de estreia a solo, “Mindjer” (mulher), tributo a todas as mulheres de força, guineenses e não só. O disco reflecte a vivência da artista pelos três continentes: África, América e Europa.
 
A cantora estará acompanhada dos convidados especiais Emílio Lima, poeta guineense, Ernesto Dabó, um dos fundadores do histórico Cobiana Djaz e do grupo tradicional Bambaram. Fonte: Aqui

O EIXO SECRETO EUA-ARÁBIA SAUDITA

Manlio Dinucci*
 
Nome de código “Timber Sycamore”: assim se denomina a operação de armamento e treinamento dos “rebeldes” na Síria, “autorizada secretamente pelo presidente Obama em 2013”. É o que documenta uma investigação publicada no domingo (24) pelo New York Times [1].

Quando foi encarregada pelo presidente de efetuar esta operação encoberta, “a CIA já sabia que tinha um parceiro disposto a financiá-la: a Arábia Saudita”. Com o Catar, “esta forneceu armas e bilhões de dólares, ao passo que a CIA dirigiu o treinamento dos rebeldes”. O fornecimento de armas aos “rebeldes”, inclusive os “grupos radicais como Al Qaeda”, tinha começado no verão de 2012 quando, através de uma rede disposta pela CIA, agentes secretos sauditas tinham comprado na Croácia, na Europa Oriental, milhares de fuzis de assalto AK-47 com milhões de projéteis, e quando os catarianos infiltraram na Síria, através da Turquia, mísseis portáteis chineses FN-6 comprados no mercado internacional. Como o fornecimento de armas era feito livremente, no fim de 2012 o diretor da CIA David Petraeus convocou os aliados na Jordânia, impondo-lhes um controle mais estrito por parte da Agência sobre o conjunto da operação. Alguns meses mais tarde, na primavera de 2013, Obama autorizou a CIA a treinar os “rebeldes” em uma base na Jordânia, e em outra no Catar, e a lhes fornecer armas incluindo mísseis antitanques TOW. Sempre com os bilhões do “maior contribuinte”, a Arábia Saudita. Nenhuma novidade nesse tipo de operações.

A ALEMANHA E A ONU CONTRA A SÍRIA

 
Desde 2005, o académico alemão Volker Perthes(na foto) participou, ao lado da CIA, na preparação da guerra contra a Síria. Ele dirige o mais poderoso think tank europeu, a Stiftung Wissenschaft und Politik (SWP).
 
Os neo-conservadores e os falcões liberais que demoradamente prepararam, desde 2001, a guerra contra a Síria, apoiaram-se a partir de 2005 sobre vários Estados da Otan(Nato) e do Conselho de Cooperação do Golfo. Se já se conhecia o papel jogado pelo general David Petraeus, em lançar e manter a guerra até aos dias de hoje, duas personalidades —Jeffrey Feltman (numero 2 da Onu) e Volker Perthes (director do principal think tank alemão)— ficaram na sombra. Em conjunto, com o apoio de Berlim, eles utilizaram, e continuam a manipular, as Nações Unidas para destruir a Síria.

O Dr. JOSÉ PAULO SEMEDO, AFINAL É ADVOGADO DO PAIGC E DE DSP

 
NA HORA DA VERDADE E DE MUDANÇAS - O CAIR DAS MASCARAS DO CONSTITUCIONALISTA JOSÉ PAULO SEMEDO, QUE AFINAL É ADVOGADO DO PAIGC E DAS COISAS DO DSP

O Dr. JOSÉ PAULO SEMEDO(NA FOTO), AFINAL É ADVOGADO DO PAIGC E DE DSP, CONTUDO VEM ASSUMINDO O PAPEL DE CONSTITUCIONALISTA ISENTO, MENTINDO E CONFUNDINDO A NAÇÃO, TENDENCIOSAMENTE.

UMA FARSA E UMA MENTIRA.

A MENTIRA TEM SEMPRE AS PERNAS CURTAS, GRAÇAS AO HELDER VAZ, HOJE SABADO AS 12H40 OUVIMOS DA BOCA DO PRÓPRIO Dr, JOSÉ PAULO SEMEDO, QUE NA VERDADE É ADVOGADO DO PAIGC.


SEMPRE DESCONFIAMOS, DO PORQUÊ DA FREQUENCIA DA TGB E RDN CHAMAR E OUVIR A OPINIÃO DESTE IMPOSTOR E DE DIFUNDIR E PROPAGAR MUITO AS OPINIÕES DO PASTOR ZÉ PAULO, QUE É ADVOGADO DO PAIGC.

QUE FALTA DE ÉTICA E DE DEONTOLOGIA DESTE HOMEM DA IGREJA, QUE É UM PASTOR, QUE SE VESTE DA CAMISOLA E COISAS DO PAIGC DO DSP.

MA BANDIDASCO PASSA NA GUINÉ, POR ISSO É QUE MANDAVA SISTEMATICAMENTE OS 15 A RECORRER PARA A JUSTIÇA, SABENDO QUE JÁ TINHAM MINADO OS JUIZES, COMO SEMPRE FIZERAM

IDRISS DEBY É NOVO PRESIDENTE DA UNIÃO AFRICANA

Idriss Deby.Na cimeira em Adis Abeba chefes de estado divididos sobre o envio de força de paz para o Burundi
 
O chefe de Estado chadiano, Idriss Déby, foi hoje eleito presidente da União Africana, sucedendo ao  seu homólogo do Zimbabué, Robert Mugabe.
 
A sua eleição foi anunciada pelo próprio Mugabe na abertura da cimeira.
 
Déby, que ocupará a presidência rotativa da UA durante um ano, preside ao Chade desde 1990 e o seu país é agora considerado como uma peça vital na luta contra o terrorismo islâmico na África Central e Ocidental.

ONU CONSIDERA QUE CRISE POLÍTICA NA GUINÉ-BISSAU ESTÁ NUM IMPASSE

imageO representante das Nações Unidas na Guiné-Bissau disse hoje(29 Jan) que a crise política no país se encontra "num impasse" depois de ter participado num encontro da comunidade internacional com o Presidente da República guineense.

"O que importa neste momento é encontrar uma saída desta situação. Estamos num impasse, praticamente, e se as entidades competentes do país e os responsáveis políticos não se sentarem e discutirem a fundo as causas desta crise, não encontraremos soluções de imediato", referiu Miguel Trovoada aos jornalistas.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

DENÚNCIA: PSEUDO-MAGISTRADO

 
Recorro ao teu blog, para fazer uma denúncia de extrema gravidade, atendendo ao facto que está a contribuir para o retrocesso do país.  
Antes, a minha pergunta é seguinte: Por que é que magistrado Injonalu Marciano Indi(na foto) teve a veleidade de tomar uma decisão que extrapola a sua competência? Também, não é de estranhar, porque tem uma casa e dois filhos para sustentar em Lisboa.

O pouco que a esposa ganha não dá para cobrir todas as despesas, por isso faz de tudo, mesmo que ele tenha que levar no outro lado da muralha ou vender a sua alma, para ganhar dinheiro. .

Sem mais delongas, vamos ao que interessa:

Fizemos o levamento da ficha do pseudo-magistrado, constatamos que ele tinha feito à inscrição em algumas cadeiras, em 2010, mas nunca mais meteu os pés na Universidade Lusófona de Lisboa, a fim de terminar o curso. Isto quer significar que não tem habilitações para exercer a função de magistrado. 
 
Sendo que o sector da Justiça é estruturante para a consolidação de um Estado de direito e democrático, solicitamos encarecidamente o Procurador-Geral da República e Policia Judiciaria, para fazerem uma investigação exaustiva com a vista a apurar veracidade deste facto.

É inconcebível e contraproducente ter um Juiz que não chegou a terminar, para decidir sobre um assunto de extrema importância, sobretudo quando se trata de um acto ilícito.   
Urgente.

Neste preciso momento, a mando de Cipriano Mancu Cassama, o Presidente do Conselho de Administração da ANP, Amizade Fara Mendes, acabou de entregar???

Milhões ao Dr. Rui Néné e Dr. Paulo Sanhá, para os corromper ou esta tentando corromper??? Esta história esta mal contada.

Apelamos os visados a abaterem-se de quaisquer quer atos ilícitos, porque pode contribuir em agudizar ainda mais a situação vigente, caso isto seja verdade. Mas é uma situação que vale a pena ser analisada..., porque eu Doka ponho em causa isto e duvido muito, muitas duvidas.

GUINEENSES, ENTRE A DIVISÃO E A SAUDADE DA TERRA

 Daniel Miguel, Associação da Comunidadeda Guiné-Bissa nos Estados Unidos

Diáspora na América.
 
Um recenseamento feito há cerca de dois anos pela Associação da Comunidade da Guiné-Bissau nos Estados Unidos (ACGB-USA) registou cerca de 500 guineenses adultos, na sua grande maioria na Nova Inglaterra.
 
Admite-se, no entanto, que o número seja muito superior, numa comunidade muito dividida, mas que continua a seguir o que se passa na Guiné-Bissau.
 
Espalhados por vários Estados, os guineenses estão presentes em muitos sectores, mas a grande maioria trabalha na construção.
 
Daniel Miguel(na foto), presidente em exercício da ACGB, diz que metade ou mais “encontra-se em situação de ilegalidade, havendo, no entanto, muitos estão no processo de legalização”.
Nos últimos tempos, têm chegado muitos guineenses de Cabo Verde por casamento com naturais das ilhas.
 
A Associação da Comunidade da Guiné-Bissau nos Estados Unidos, criada na década de 1980, enfrenta muitas dificuldades, entre elas a falta de meios e o afastamento dos imigrantes, como diz Daniel Miguel
 
“Muitos se afastaram devido aos problemas que se registaram na associação no passado e, apesar dos nossos esforços, é muito difícil fazer qualquer trabalho”, explica Miguel, que justifica a falta de meios para “unir aqueles que não querem se unir”.
 
Apesar da distância, os guineenses, como outras comunidades, procuram manter-se ligados ao que passa no seu pais natal.
 
Lígia Silva, professora universitária guineense nos Estados Unidos
Lígia Silva, professora universitária guineense nos Estados Unidos
 
Lídia Silva, professora universitária em Salisbury, Mariland, procura sempre estar informada e quanto à gastronomia não enfrenta problemas “porque há ingredientes nos mercados africanos para preparar pratos típicos guineenses”.

EDITORIAL: SONHOS E DESESPERANÇAS NO MEIO DE CRISES…

A hora deve servir também ao PAIGC para fazer uma reapreciação das suas atitudes musculadas, a forma como o seu líder pretende comandar, à força, com imposições nunca dantes vistas… Para demonstrar o quê que nunca foi visto no PAIGC?

Eu me lembro. Recordo os momentos primeiros da independência nacional desta minha Pátria amada. Nos bairros, nas tabancas, secções, sectores e regiões viveu-se a reconversão, a adaptação ao novo estilo, a nova forma de vida social, política, económica, entre outras, que os “camaradas” introduziram no novo estado livre e independente.

TRIBUNAL REGIONAL DE BISSAU NÃO PODE SUBSTITUIR-SE AO PLENÁRIO DO SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA – DIZ CONSTITUCIONALISTA CARLOS VAMAIN

A decisão do Juiz do Tribunal Regional de Bissau de ordenar os 15 deputados do PAIGC a acatarem a perda de mandato decretada pela Comissão Permanente da ANP “é inexistente, à luz do disposto no Artigo 8º, em conjugação com o disposto no Artigo 82º da Constituição” considera o constitucionalista Carlos Vamain.


Solicitado pelo GN para se pronunciar sobre esta matéria, Dr. Carlos Vamain disse: «Não requer formação específica ou especialização para se chegar à conclusão de que o Tribunal Regional não dispunha de competência para conhecer esse pedido constante da Providencia Cautelar, relacionado com a inconstitucionalidade da perda do mandato dos Deputados, que não podem ser incomodados, perseguidos, detidos, presos, julgados ou condenados pelos votos e opiniões que emitirem no exercício do seu mandato, conforme o disposto na Constituição da República da Guiné-Bissau.

Portanto, não pode nenhum Tribunal substituir-se ao Plenário do Supremo Tribunal de Justiça, enquanto Tribunal Constitucional.» 

Relativamente ao caso em apreço diz o constitucionalista: «Neste caso, em concreto, a decisão do Juíz do Tribunal Regional de Bissau é inexistente, à luz do disposto no Artigo 8º, em conjugação com o Artigo 82º, da Constituição.» 

E resume: «Somente a plenária da ANP tem a competência para decidir sobre a perda de mandatos.» 



HÁ SUSPEITAS DE QUE O VÍRUS ZIKA SE TRANSMITA SEXUALMENTE

Mais um vírus inventado no laboratório como HIV, Ébola etc.

A revelação é da vice-directora do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Dois novos casos de infecção do vírus zika nos Estados Unidos sugerem que a transmissão pode ser por via sexual, de acordo com a vice-directora do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

GRUPO DE PARTIDOS DA OPOSIÇÃO DEFENDE DEMISSÃO IMEDIATA DO GOVERNO DE CARLOS CORREIA

Dois partidos da oposição na Assembleia Nacional Popular (ANP) da Guiné-Bissau e outros 18 sem representação parlamentar defenderam hoje que o Presidente da República deve demitir o Governo.
O chefe de Estado, “no uso das suas prerrogativas legais e constitucionais como garante da Constituição e das leis, deve proceder à demissão imediata do Governo da gestão dos assuntos públicos”, referiu Fernando Vaz, porta-voz do grupo, em conferência de imprensa.

CORRUPÇÃO MUNDIAL: GUINÉ-BISSAU NA 158ª POSIÇÃO

Resultado de imagem para corrupção
A Guiné-Bissau, está na pior posição.
Veja a tabela Aqui, na tabela são visualizados apenas os 10 primeiros da lista, para ver toda a lista clique em SEE FULL TABLE(Ver tabela completa). 

Estudo realizado pela Transparência Internacional elege Somália e Coreia do Norte como países com a maior percepção de corrupção. Brasil teve a pior queda.

A Dinamarca é, de acordo com o relatório “Índice de Percepção da Corrupção”, o país menos corrupto do mundo. O estudo publicado pela Transparência Internacional (TI) tem em conta 168 países e coloca os dinamarqueses no topo da lista pelo segundo ano consecutivo.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

CÔTE D'IVOIRE: ANTIGO PRESIDENTE DECLARA-SE INOCENTE NO JULGAMENTO NO TPI

Para Abel Naki, um dos organizadores da manifestação em frente ao TPI, Laurent Gbagbo foi "sequestrado e deportado".
 
"Este facto "lembra-nos os anos de escravidão e o colonialismo. A verdade vai prevalecer sobre a mentira", afirmou o manifestante.

Haia - O antigo presidente da Côte d'Ivoire, Laurent Gbagbo, declarou nesta quinta-feira ser inocente das acusações de crimes contra a humanidade no início do primeiro julgamento do Tribunal Penal Internacional (TPI) contra um ex-chefe de Estado.
 
"Declaro-me inocente", disse Gbagbo, de 70 anos, quando um oficial do tribunal leu as acusações de Haia contra o ex-chefe de Estado, que foi preso há cinco anos.

Brasil. Zica. OS MÉDICOS NUNCA VIRAM NADA ASSIM. "HÁ UMA GERAÇÃO COMPROMETIDA"


Crianças com cabeças demasiado pequenas, mães assustadas e médicos em choque. Foi em Pernambuco que a epidemia brasileira de vírus zika começou e os dois médicos que detetaram a ligação à malformação neurológica falam ao Expresso sobre a infeção que está a alarmar o mundo. “Eu tenho 44 anos de experiência médica e já vi muita coisa: poliomielite, cólera, o vírus da gripe (H1N1), surtos de difteria e de sarampo. Mas nunca tinha visto nada como agora e nem com estas consequências”, dizem. “No início, as mães ainda acreditam que a cabecinha do bebé vai crescer, que a criança irá ficar normal. E somos nós que temos de explicar que não será assim”

PRESIDENTE RECUSA-SE A RECONHECER FARSA


O Presidente da República, ao manifestar em comunicado a sua «estranheza» perante os actos ilegais, nulos e inexistentes, praticados esta manhã nas instalações da ANP, vem assim tirar o tapete ao PAIGC, cujos chefes pensam que são os únicos espertos e julgam que poderiam condicionar a Presidência e manipular a situação política, evitando largar o poder, como ditam as regras do jogo democrático. Esta é apenas mais uma das diversões a que já nos habituaram, em especial no último meio ano.

O não reconhecimento explícito do Presidente desta farsa encomendada por DSP, acompanhado, para além do mais, de nota de desagrado, vem esclarecer a situação em tempo útil, e reduzir a pó a campanha de desinformação que estava já em curso, colocando em relevo a certeza de que o Presidente se pronunciará pela queda do Governo. O único efeito da palhaçada será o Presidente descartar a preocupação de equilíbrio, radicalizando a sua posição e reconhecendo a legítima ANP liderada por Nambeia.

Depois de múltiplos sinais de ofensa ao Presidente nos últimos tempos, Domingos Simões Pereira acaba de esticar a corda na sede do partido, falando em «vitória contra a infâmia e a bandidagem».

Obrigado Emplastro - 7ZE, estamos juntos.

Editorial: BASTIDORES DO JOGO POLÍTICO NO PAIGC GUETIZA POLÍTICA DA GUINÉ-BISSAU

Editorial 140
Os guineenses naturalmente temem que os Bastidores do Jogo Político do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) poderá conduzir a guetização política democrática do país, criando um clientelismo político como a residência de instabilidade política parlamentar crónica, uma vez que a nossa classe política jamais adoptará um comportamento político parlamentar de prescrições legais na defesa dos interesses nacionais.

O papel das “Bocas Alugadas” nos Bastidores do Jogo Politico do PAIGC é fundamental na análise da guetização do nosso país, porque não se limita apenas a fornecer um contributo técnico no que diz respeito as estratégias de comunicação comercial a seguir pelos vários líderes das facções políticas, mas se procura, sobretudo, influenciar o público eleitor a assumir e a partilhar, com o seu ponto de vista, os ideais do líder de uma fações que as alugou.

PRS BOICOTA TRABALHOS DO PARLAMENTO GUINEENSE

 Assembleia Nacional Popular, Guiné-BissauDesde quando é que os estatutos de um partido, estão acima da constituição da república de um país democrático? Só mesmo na Guiné-Bissau. Os actos praticados no local devem ser considerados nulos e inexistentes. O «Plenário» não podia reunir por falta de quórum, foi uma autêntica palhaçada.

Leia também: Programa de Governo da Guiné-Bissau aprovado no Parlamento, sem votos da oposição

ANP volta a reunir com os novos/ilegais deputados do PAIGC e vai apreciar o Programa do Governo.


A Assembleia Nacional Popular (ANP) da Guiné-Bissau retomou os trabalhos nesta quinta-feira, depois de 10 dias de suspensão, com a presença dos 15 novos deputados do PAIGC, partido maioritário, mas sem os parlamentares do PRS, na oposição.

SAÚDE PÚBLICA: NOVA ASSOCIAÇÃO DE MÉDICOS DEFENDE ELABORAÇÃO DE POLITICA NACIONAL DE SAÚDE

Bissau, 28 Jan 16 (ANG) – A Associação Guineense de Médicos Especialistas (AGUIME), é a nova organização dos profissionais de medicina  que visa defender o sistema de saúde na Guiné-Bissau.

Em entrevista ao Jornal Nô Pintcha, inserida na  edição de 26 de Janeiro, o presidente desta agremiação justificou que os seus membros estão preocupados com elevado nível de desorganização nos hospitais no país.

O Presidente de AGUIME disse  que em consequência os guineenses deixaram de acreditar nos seus hospitais e passaram a procurar assistência médica e medicamentosa em Senegal.

COMUNICADO

A CADA PARTIDO A SUA ANP


O PAIGC, ao insistir na farsa da multiplicação das ANPs, entra assim no jogo do PRS, forçando o Presidente da República a intervir. A ANP minoritária e ilegal não tem qualquer legitimidade. O «empossamento» dos novos deputados foi feito com base em bocas da assistência, depois de a segunda secretária se ter esquecido da lista nominal das substituições. É a «legalidade» a todo o custo, imposta pelo PAIGC, com uma votação de rajada (depois de meses à espera de forjar o momento) sem debate nem contraditório. Isto é tudo menos política multi-partidária: o PAIGC continua a acreditar que é o Estado.
Os actos praticados no local devem ser considerados nulos e inexistentes. O «Plenário» não podia reunir por falta de quórum. Efectivamente, se os deputados ainda não tinham sido empossados, não podiam contar para esse quórum inicial que permite começar com os trabalhos! É apenas mais uma das múltiplas ilegalidades que ferem o processo. Mas isso parece não incomodar o PAIGC e a sua Direcção, apostada numa fuga para a frente (pena que se encontre perante um beco sem saída). Esse Partido continua a conceber apenas ditadores, no seu seio, sem qualquer preocupação com o estado ou com a realidade do País.

NA GUINÉ-BISSAU, PELO FACTO DE NÃO HAVER UM TRIBUNAL CONSTITUCIONAL, É O SUPREMO TRIBUNAL DE JUSTIÇA O ÓRGÃO JUDICIAL COMPETENTE PARA ARBITRAR DISPUTAS DE NATUREZA CONSTITUCIONAL.

 
Por: Fernando Casimiro(Didinho), no facebook

Na Guiné-Bissau, pelo facto de não haver um Tribunal Constitucional, é o Supremo Tribunal de Justiça o órgão judicial competente para arbitrar disputas de natureza constitucional.
Porque é que o Presidente da Assembleia Nacional Popular não recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça, tendo optado pelo Tribunal Regional de Bissau?
 
Está-se a menosprezar a gravidade do conflito, ou é mais fácil obter-se um parecer favorável através do Tribunal Regional de Bissau?
 
Tirar o mandato a um deputado não é a mesma coisa que exonerar um ministro, despedir um funcionário público, ou um trabalhador por conta de outrem, no sector privado, sobretudo, quando o que está em causa é a agenda para a reapreciação do Programa do Governo, mas também, a sustentação legal do mandato dos deputados.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

GBAGBO JULGADO NO TRIBUNAL PENAL INTERNACIONAL

Só apoiantes de Gbagbo no banco dos réus?
 
TPI = neocolonialismo
 
O ex-Presidente da Costa do Marfim, Laurent Gbagbo, senta-se no banco dos réus do Tribunal Penal Internacional a partir desta quinta-feira. É acusado de homicídio e violação. O julgamento é aguardado com expetativa.
 
Se se perguntar a alguém nas ruas de Abidjan, se está interessado no início do processo contra o ex-Presidente Laurent Gbagbo no Tribunal Penal Internacional (TPI), em Haia, a resposta será provavelmente semelhante: Sim, o processo é aguardado com muita expetativa em todo o país. É, por exemplo, o que responde Etienne Moro, um agricultor, de 40 anos, que está na capital económica costa-marfinense para visitar o tio.

TRIBUNAL REGIONAL DE BISSAU VALIDA PERDA DE MANDATOS DE 15 DEPUTADOS DO PAIGC???????????????

Sede da Assembleia Nacional Popular da Guiné-BissauEsta decisão do tribunal regional de Bissau é política e ilegal, pelo que os 15 deputados da nação não devem acatar a mesma.
 
Decisão impede os deputados cassados de entrarem no edifício da Assembleia Nacional Popular.
 

O Tribunal Regional de Bissau validou na tarde desta quarta-feira a decisão da Comissão Permanente da Assembleia Nacional Popular (ANP) de retirar o mandato aos 15 deputados do PAIGC expulsos do partido no poder há cerca de 10 dias.

JUSTIÇA: PROCURADOR -GERAL DA REPÚBLICA NÃO ESCLARECE RAZÕES DE AUDIÇÕES DE ANTIGOS MEMBROS DE GOVERNO DEMITIDO

Bissau, 27 Jan 16 (ANG) – O Procurador-geral da República, disse hoje ter tido conhecimento das audiências que o Ministério Público está a fazer a figuras do governo demitido de Domingos Simões Pereira através de órgãos de comunicação social.

António Seja Man  falava à imprensa, a saída do encontro com o chefe de Estado no quadro das auscultações que José Mário Vaz leva a cabo com os partidos políticos, a sociedade Civil, as autoridades religiosas,  e autoridades judiciais sobre a crise politica vigente no pais.

Dois antigos ministros do governo de Domingos Simões Pereira foram ouvidos terça-feira pelo Ministério Publico no âmbito de um processo relacionado a alegada facilitação dos dois à funcionários públicos para tratamento médico no exterior.

Sedja Man respondeu a jornalista dizendo que a audição das pessoas no ministério público compete aos magistrados titulares dos respectivos processos, e que por enquanto, se encontram no segredo da justiça.

Igualmente, José Mário Vaz reuniu-se com o presidente do Tribunal de Contas, Dionísio Cabi, que a saída da audiência recusou prestar qualquer declaração à imprensa. 

ANG/JD/JAM/SG

AUSCULTAÇÕES DA PRESIDÊNCIA: “SUPREMO TRIBUNAL NÃO EMITE JUÍZO DE VALORES SOBRE SITUAÇÃO POLÍTICA VIGENTE”, DIZ PAULO SANHA

Bissau, 27 Jan 16 (ANG) - O Presidente do Supremo Tribunal de Justiça (PSTJ), declarou hoje que a instituição não vai pronunciar de forma extrajudicial sobre qualquer que seja a questão, salientando que os tribunais pronunciam em sede própria quando interpelados judicialmente.

Paulo Sanha referia-se a crise política vigente no pais, a saída de um encontro com o Presidente da República.

Disse que não podem dar qualquer conselho ao Chefe do Estado em relação a actual situação política no país, acrescentando que a presidência tem um gabinete jurídico para fazer o seu trabalho e  aconselhar o Presidente sobre aspectos jurídicos.

ANP: VICE-PRESIDENTE ANUNCIA RETOMA DOS TRABALHOS NA QUINTA-FEIRA

Bissau, 27 Jan 16 (ANG) – A Assembleia Nacional Popular (ANP) retoma os trabalhos na quinta-feira, dia 28 do corrente mês, tendo como Ordem do Dia a reapreciação e votação do Programa do Governo anunciou hoje o primeiro Vice-Presidente.

A saída da audiência com o Presidente da República, António Inácio Correia disse que durante a sessão serão cumpridos toda  a calendarização  interrompida.

Aquele deputado disse que durante a auscultação com o Presidente da República discutiram sobre a situação ocorrida no seio da ANP por forma a encontrar soluções para a actual crise verificada na Assembleia Nacional Popular.
MATADOURO?

Sede Nacional do PAIGC
Adivinha, adivinha? Adivinha certo!
Olhem bem para o telhado e respondam esta adivinha. A sede do PAIGC tinha visitantes ontem. E há um provérbio que diz: “uma imagem vale mais que mil palavras.” Não nos digam que estamos a manipular informação. Isto tem vindo a ser já uma visita constante de abutres, poisando no telhado. É um facto estranho que chama atenção de qualquer transeunte. Este tipo de cenas acontecem normalmente em locais de óbito ou em matadouro. Sobretudo, quando há sacrifício de animais. Abutres poisando no telhado da sede de um partido laico e nas palmeiras? É, no mínimo, estranho! A rádio não comunicou óbito; as sedes dos partidos não podem confundir-se com templos, mesquitas ou santuários (balobas). O sítio em questão parece ter-se transformado em local de migração de abutres. O cenário, de facto, é pérfido, e tem vindo a repetir-se desde a exoneração do governo do líder divisionista, corrupto e falhado do PAIGC, Domingos Simões Pereira. Mas, enfim, e se bem se recordam, Nino Vieira havia vaticinado: “se eu morresse vocês vão-se guerrear” (em crioulo: "si nmuri bô na ngnheme ngutru"). Talvez seja por isso. Duas alas a guerrear-se no PAIGC por causa do Programa de Governo (neocolonialista).

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Crise política: JOSÉ MÁRIO VAZ AUSCULTA PARTIDOS POLÍTICOS

O Chefe de Estado da Guiné-Bissau recebeu hoje, 26 de Janeiro, em audiência separada, os líderes das diferentes formações políticas com assento no parlamento, para abordar a situação da crise política vigente no país.
 
Líder do PAIGC, Domingos Simões Pereira (esq.) na audiência com o Presidente José Mário Vaz
 
À saída de auscultação os representantes dos partidos políticos prestaram declarações à imprensa.
 
LÍDER DO PAIGC EXIGE APLICAÇÃO DA LEI
 
image
O líder do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC), Domingos Simões Pereira, disse na sua declaração à imprensa que “nós não podemos ter ilusões, porque temos que aplicar a lei e ser bastante decisivos com o nosso compromisso com a lei”.
 
Simões Pereira lamentou o “tempo perdido e que está a ser perdida”, contudo assegurou que o seu partido acredita numa lógica de inclusão e de compromisso que foi inicialmente destruído.
 
“Apesar disso, acreditamos que estamos sérios a propor esse compromisso, essa inclusão e se for sério o PAIGC irá liderar” assegurou.
 
PRS PEDE RESPEITO A LEI LEGISLADA PELOS PRÓPRIOS DEPUTADOS
 
image
O Secretário-geral do Partido da Renovação Social (PRS), Florentino Mendes Pereira, apelou pelo respeito à lei, porque “não há outra saída, se não respeitar as leis que são legisladas pelos próprios deputados da Nação”.

O dirigente dos renovadores reafirmou aos jornalistas que o PRS vai continuar com as suas sessões no hemiciclo, enquanto permanecer esta situação.
 
Relativamente a situação da Mesa de Assembleia da ANP, afirmou que o que houve é a destituição de dois deputados, mas não a destituição da Mesa de Assembleia.
 
“No sistema semi-presidencialista que vigora no país, não é o partido vencedor das eleições é que manda. Isto é uma confusão. Mas sim, quem consegue garantir a maioria parlamentar para fazer o governo funcionar é que manda no nosso sistema”, defende.
 
PCD PEDE AO PRESIDENTE QUE USE AS SUAS COMPETÊNCIAS FACE A RESOLUÇÃO DA CRISE
 
image
Vicente Fernandes, presidente do Partido da Convergência Democrática (PCD), pediu o Presidente da República que faça uso das suas competências face aos instrumentos jurídicos ao seu dispor, por forma a resolver definitivamente esta querela política.
 
“Este país já está cansado de ter crises cíclicas nos períodos curtos, ou seja, de dois em dois meses”, referiu o político.
 
 
PND ACONSELHA JOMAV A PROSSEGUIR COM O DIÁLOGO
 
image
Iaiá Djalo, presidente do Partido da Nova Democracia (PND), explicou à imprensa que aconselhou o Presidente José Mário Vaz de prosseguir com o diálogo, sobretudo convidando as partes no sentido de encontrar uma solução.

“Nós defendemos que a perda de mandato dos deputados de maneira como foi feita não é legal”, lembrou.
 
 
“UM” DEFENDE QUE A MAIORIA PARLAMENTAR SÓ É DECIDIDA NO INÍCIO DA LEGISLATURA
 
image
O líder da União para a Mudança (UM), Agnelo Augusto Regala disse que “a maioria parlamentar é um assunto que é decidido no início da legislatura e não depois”.
 
No entanto, mostrou-se satisfeito com o Chefe de Estado que os garantiu que não é a sua intenção dissolver o parlamento.
 
Recorda-se o Presidente da República, José Mário Vaz, manteve no início de manhã de hoje audiência com os líderes dos partidos políticos sem assento no parlamento.

 Amanhã o Chefe de Estado vai prosseguir com a audiência com os titulares de órgãos de soberania, designadamente: o presidente da Assembleia Nacional Popular, Primeiro-ministro, presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Procurador-Geral da República e Presidente do Tribunal de Contas.
 
Por: Aissato Só
 
Foto principal: dw.com(Líder do PAIGC, Domingos Simões Pereira (esq.) na audiência com o Presidente José Mário Vaz)